Evento que sensibilizou a população sobre a instalação da organização na cidade aconteceu em outubro de 2016

O evento tinha tudo para não alcançar a expectativa. Seria

num dia 13 de outubro, portanto logo depois de um feriado. Pouco antes do início, começou a chover forte. Quem sairia de casa nessas condições para ver uma palestra sobre uma instituição que quase ninguém conhecia? Pois nada menos que 600 pessoas, para arredondar o número, enfrentaram a preguiça pós-feriado e a chuva para tentar entender melhor o que elas pessoas queriam.

Deste modo, foi com alívio e incontido contentamento que os organizadores da palestra de sensibilização sobre o Observatório Social do Brasil viram o Salão Social do Nosso Clube ficar bem cheio naquela noite chuvosa de 2016. Estava adubada a semente, plantada meses antes, que iria florescer, na forma do OSB-Limeira, em março de 2017. Assim, há quatro anos começava a surgir na cidade a instituição que, em tão pouco tempo, acabaria sendo reconhecida pela sociedade limeirense como uma referência em controle social e cidadania.

Os fundadores do OSB-Limeira se lembram com carinho dos detalhes que levaram de

sde a ideia de formar a organização até esse evento no Nosso Clube, que contou com palestra de Ney Ribas, então presidente nacional do Sistema OSB. O presidente do Conselho de Administração do OSB-Limeira desde sua fundação, o empresário Raul Groppo, presidia em 2016, em nível estadual, uma associação voltada a jovens, que buscava novas maneiras de levar seus membros ao caminho da cidadania sem necessariamente recorrer à política partidária.

O EMBRIÃO LIMEIRENSE

“Cheguei a ser filiado a partido político, mas foi uma frustração para um jovem idealista perceber que os debates eram mais em torno de quem seria eleito do que propriamente sobre como ajudar nossa cidade”, conta Groppo. Suas pesquisas sobre uma instituição que pudesse colaborar com o caminho que gostaria de seguir acabaram levando-o ao OSB. E, pouco depois, ele descobriu que o funcionário da Receita Federal Valter Koppe e o empresário José Rogério Lourenço já semeavam o embrião do Observatório em Limeira.

Groppo se juntou a eles, assim como outros voluntários que iam se inteirando sobre o OSB. Um deles foi Bruno Sampaio Barros, na época um estudante de Direito. Ele conheceu o Observatório por meio de um material de divulgação apresentado por um amigo, o também então estudante de Direito Mateus Ragazzo. Ambos passaram a integrar o grupo que promoveria reuniões regulares na Receita Federal em Limeira, que cedera suas instalações para contribuir com a iniciativa.

“Nosso grupo se consolidou e fizemos a ponte com o Sistema Nacional do OSB”, recorda-se Barros, hoje consultor de Produto e Metodologia do OSB-Limeira. Mais de 40 palestras sobre a instituição foram realizadas por essa equipe junto às mais diversas entidades da cidade. A ideia ganhou credibilidade e substância, e então o gru

po estava preparado para cumprir um dos requisitos exigidos pelo OSB: realizar um evento de sensibilização da sociedade local sobre o objetivo de instalar uma unidade do Observatório Social em Limeira. Com o apoio do Nosso Clube e de outros atores locais, realizou-se a palestra no dia 13 de outubro de 2016.

MUITO PARA COMEMORAR

O evento foi um sucesso e pelo menos metade dos espectadores colocou nas urnas disponíveis fichas com seus dados, que representavam sua disposição em participar da iniciativa. Formou-se então o que seria o

primeiro Conselho de Administração do OSB-Limeira e, em março do ano seguinte, 123 pessoas assinariam, em cerimônia realizada na ACIL, o termo de fundação do braço limeirense do OSB.

Pouco depois, o grupo se organizou para, enfim, iniciar os trabalhos, sendo que o primeiro deles foi o monitoramento das atividades da Câmara Municipal. Quatro anos depois daquele evento no Nosso Clube, o OSB-Limeira segue ampliando continuamente sua gama de atividades, e colhe, cada dia mais, o reconhecimento de sua importância como um instrumento de busca incessante de aperfeiçoamento e transparência do Poder Público.

Mais de 100 voluntários ativos formam hoje os quadros do OSB-Limeira, que conta também com a imprescindível colaboração de investidores sociais, sejam empresas ou pessoas físicas, para garantir a total independência de suas ações. “Hoje, de fato, podemos começar a comemorar os resultados que conseguimos ao longo desses anos”, ressalta Groppo. “Valeu a pena cada esforço feito, porque o que estamos construindo não é para o OSB, mas para os mais de 300 mil habitantes de Limeira”.

Confira fotos do evento no Nosso Clube logo abaixo.

SOBRE O OSB

O OSB é um espaço para o exercício da cidadania, democrático e apartidário, e que já se encontra presente em 150 municípios de 17 Estados brasileiros. Atua na prevenção da corrupção, controle e monitoramento dos gastos públicos, utilizando uma metodologia padronizada, com o objetivo de contribuir para a melhoria da gestão pública.

INVESTIDORES SOCIAIS DO OSB-LIMEIRA

Atlas, ACIL, Nosso Clube, Valor Ambiental, BluePex, Sicredi, Prevseg, Alfadimmi, Sicoob, Quality, GF Lanternas, Cozinha da Família, Don Francesco Pizzaria, PrevMed, Helpmóvel, Unimed, Auto Peças Motoristas, Data System e Presscom Comunicação

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *